© 2019 LALEC - LAR AMOR LUZ E ESPERANÇA DA CRIANÇA 

Search
  • Lalec

Eduardo Kishimoto: o anjo da guarda das crianças do Lalec

Updated: Aug 21, 2019

Médico pediatra, ele é uma das pessoas que fazem parte da equipe que presta apoio ao Lalec


Mesmo diante das dificuldades do dia a dia, o Lar Amor Luz e Esperança da Criança (Lalec) se mantém pela ajuda fundamental de seus colaboradores. Entre os voluntários, há de tudo um pouco: tem quem vai para brincar com as crianças, para contar histórias ou até mesmo para cuidar da saúde dos pequenos.


Esse é o caso de Eduardo Kishimoto. Médico pediatra, ele é uma das pessoas que fazem parte da equipe que presta apoio ao Lalec. Assim como os outros voluntários, Kishimoto dedica seu tempo e esforços trabalhando para ajudar as crianças que nem conhece, mas que precisam muito de ajuda.

Kishimoto visita semanalmente o Lalec (arquivo pessoal)

No início, sua atuação começou de maneira pontual. Antes de trabalhar de maneira voluntária para o Lalec, Kishimoto fazia doações ao bazar. Antes, já era doador do Exército da Salvação e descobriu o Lalec pela internet. Com o tempo, e tendo mais contato com lar, Kishimoto notou que faltava atenção mais de perto com a saúde das crianças e se prontificou a ajudar.


Atualmente, pelo menos uma vez por semana, o médico se dedica ao diagnóstico, avaliação, prevenção e acompanhamento dos pequenos. No dia a dia, entre uma consulta e outra, o doutor ainda tira dúvidas da enfermeira do Lalec e acompanha o desenvolvimento das crianças remotamente, por meio de mensagem via WhattsApp.


Eduardo Kishimoto: o anjo da guarda


No trabalho, a prioridade para a saúde básica é o aleitamento materno e a alimentação saudável. Foi ai que surgiu o primeiro desafio: nem todas as crianças tiveram a oportunidade de amamentação adequada. Dessa forma, explica o pediatra, o foco foi dado à boa alimentação. “Conseguimos uma nutricionista que faz o cardápio balanceado das crianças”, explica.


O trabalho não tem nem um ano e já traz resultados que são vistos na saúde da criançada, como o ganho de peso, alimentação adequada e ganho de qualidade de vida. O médico realiza atendimento baseado em conhecimento técnico, aliando boa formação com foco humanizado e individualizado a cada criança.


Esse serviço se torna ainda mais fundamental, pois o Lalec sobrevive exclusivamente de doações. Custear consultas de dezenas de crianças inviabilizaria uma série de outros projetos. O fato é que, independentemente dos recursos, o Lalec conta com pessoas dispostas a doarem seu conhecimento por uma boa causa. É por isso a vida continua se renovando a cada dia no lar.