Protagonistas do amor

Protagonistas do amor

Já assistiu um filme em que a parte mais importante do roteiro é o making off? Às vezes, mostrar aquilo que está por trás das câmeras é um grande atrativo, um enredo que cativa e prende atenção das pessoas, não é verdade? Pois é mais ou menos assim que foi produzido o novo vídeo institucional do Lar Amor Luz e Esperança da Criança (Lalec).

Tudo começou com a necessidade de um vídeo que contasse um pouco da história da instituição, que há 18 anos atende a crianças em situação de vulnerabilidade em São Paulo. O problema principal esbarrou na falta de verba. Uma boa campanha audiovisual chega a custar milhares de reais, verba que o Lalec não tinha como arcar.

Foi ai que entraram os protagonistas desta história, pessoas de muito talento e dispostas a ajudar de forma totalmente voluntária. A redatora Rebeca Freire, da RFreire Produções, foi a primeira a entrar em cena. Quando conheceu o trabalho do Lalec, fez questão de visitar pessoalmente a instituição para fazer uma verdadeira imersão no dia a dia do lar. Quando chegou ao local, Rebeca já começou a construir na sua cabeça o roteiro do filme.

“Lalec significa Lar Amor Luz e Esperança da Criança, um nome muito bacana. Então, pensei que o filme todo tivesse que transmitir a ideia de um local cativante, de um porto seguro e que representasse essas palavras”, conta.

Vídeo feito a várias mãos

Criado o roteiro, era hora de efetivamente colocar a mão na massa. A responsável por fazer as gravações dos depoimentos e posterior montagem do vídeo foi a produtora Malabar Filmes, que atua desde 2009 no segmento. Foram dois dias de trabalho e muitos e diferentes “takes” captando depoimentos, imagens das pinturas nas paredes, detalhes das vidas das crianças e toda atmosfera lúdica que envolve o trabalho do Lalec.

Gustavo Michelin dirigiu o filme com a missão de materializar não só o roteiro escrito por Rebeca, mas também mostrar a importância do trabalho, sem perder a magia que associa as crianças com os desenhos nas paredes, e a noção de lar e porto seguro.

Feito isso, veio o segundo momento: montagem e finalização. Todas as horas e horas de filmagens foram decantadas em 3 minutos e 21 segundos de muita emoção, trazendo o melhor dos depoimentos e das imagens. Outros quatro profissionais da produtora ainda ajudaram na finalização. Nascia então a obra. “Os maiores beneficiados somos nós da produtora. Não podemos negar uma ajuda tão nobre desse jeito para uma instituição que faz um trabalho tão bacana quanto o Lalec”, diz Michelin.

O diretor-presidente do Lalec, Marcelo Anjos, conta que quando viu a versão final teve a certeza de que era exatamente o que melhor sintetiza o trabalho e os princípios da Lalec. “Tínhamos um vídeo antigo, mas não podíamos usar porque não preservava a imagem das crianças. Precisávamos de um material novo, mas não podíamos pagar. Esse é o resultado de pessoas talentosíssimas e dispostas a ofertarem um pouco do seu potencial para ajudar o Lalec”, destaca Marcelo.

Além do vídeo institucional, foram feitos outros 18 filmes de ativação sobre diversos temas, como alimentação, importância de doar, o trabalho dos voluntários, entre ouros temas, que serão usados pela Lalec ao longo do tempo.

O material audiovisual vai ser usado nos diferentes canais de comunicação do Lalec, como seus perfis nas redes sociais. O objetivo é ressaltar um pouco do trabalho desenvolvido pela instituição. O vídeo vai ser apresentado oficialmente no dia 21 de outubro, no dia da já tradicional Pizzada do Lalec, mas pode ser conferido com exclusividade aqui.

Dá só uma olhada: